Comédia Três Homens Baixos chega a Fortaleza


Foto: Paula Kossatz

No período de 07 e 09 de outubro, Fortaleza recebe no teatro do Via Sul Shopping, a peça Três Homens Baixos, uma comédia rasgada e de costumes sobre as facetas do universo masculino. Este é o primeiro texto teatral do carioca Rodrigo Murtat com a direção de Jonas Bloch e interpretação de Francisco Cuoco, Anselmo Vasconcelos e Orlando Vieira. A produção local é da Areia Evento.

Três Homens Baixos é uma comédia revelada a partir do ponto de vista dos personagens Ciro (professor universitário em caracterização impagável de Francisco Cuoco), Samuca (bicheiro interpretado pelo comediante Anselmo Vasconcellos) e Titi (publicitário clichê vivido por Orlando Vieira). Eles são amigos de infância que se encontram periodicamente para colocar o papo em dia numa mesa de bar. Em um desses encontros, descobrem que os laços de união entre eles vão muito além do que supunham, sendo obrigados a rever seus valores mais arraigados.

Cada personagem vive seu próprio drama existencial e se ampara nesta amizade que, mesmo aos trancos e barrancos, continua forte. Um deles é casado, o outro é divorciado e também tem o infiel. O enredo revela que, apesar de se conhecerem desde garotos, eles fizeram suas próprias escolhas e agora arcam com as consequências. Os amigos, então, enredam-se nas teias de uma hilária trama melodramática que revela suas intimidades, fraquezas e baixezas.

A comédia rasgada Três Homens Baixos brotou de uma pilhéria do autor com a peça Três Mulheres Altas, que Beatriz Segall trouxe ao Brasil em 1995. O diretor Jonas Bloch explica que procurou humanizar os personagens e dinamizar as cenas. “Explorei ao máximo o grande talento dos atores e fomos construindo essa nova versão em um clima divertido, ideal para se montar uma comédia. Demos muitas gargalhadas e criamos novas gags que a platéia, certamente, irá saborear, além de rir muito”. E completa: “participei como ator da primeira montagem desta peça e, 10 anos depois, mais maduro, creio que conseguimos um excelente aproveitamento do texto para divertir ainda mais o público”.

Os segredos guardados a sete chaves vêm à tona a partir desse encontro, para alegria da platéia. Numa espécie de desabafo coletivo caem as máscaras: um é homossexual, o outro, impotente e, num chulo linguajar, o terceiro (todo garanhão) descobre que é traído, o “corno” da história. Segundo Jonas Bloch, Três Homens Baixos brinca com esse três maiores temores do macho brasileiro: “tudo é apresentado com muito humor, muita alegria e de uma forma bem brasileira de encarar a vida”. A montagem conta ainda com trechos parodiados de músicas que vão pontuando as cenas.

Com a finalidade de fazer rir, por meio de inúmeros clichês do padrão masculino de comportamento, a peça coloca o espectador diante de um espelho de parque de diversão, que deforma a anatomia e a torna engraçada. Atores e diretor concordam que a função da comédia é fotografar a realidade com uma lente distorcida e esta é também a proposta de Três Homens Baixos.


Ficha técnica

Comédia: Três Homens Baixos
Texto: Rodrigo Murat
Direção: Jonas Bloch
Elenco: Francisco Cuoco (Ciro), Anselmo Vasconcellos (Samuca) e Orlando Vieira (Titi)
Cenário - Renato Scripilliti
Figurino: Ellen Cristine
Iluminação: Berilo Nosella
Trilha Sonora: Delfim Moreira
Fotos: Paula Kossatz
Produção executiva - Daniel Palmeira
Classificação: 16 anos

Serviço
Local: Teatro do Via Sul Shopping
Dias: 7 a 9 de outubro
Horários: sexta e sábado, às 21h e domingo, às 20h.
Ingressos: R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia) - já estão à venda no próprio Teatro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

EXTRA FAZ CONTAGEM REGRESSIVA PARA A BLACK FRIDAY COM OFERTAS ANTECIPADAS

FUÁ DA SIL COMEMORA 2 ANOS

FORTALEZA SEDIA PELA PRIMEIRA VEZ 11TH ABCI CONFERENCE