O RAPPA FAZ SHOW EM FORTALEZA

O Rappa está na estrada para a turnê do disco e DVD “Rappa Ao Vivo”, gravado na Favela da Rocinha, no Rio de janeiro. O álbum marca uma etapa importante da história d’O Rappa. Após discos de sucesso, hits como “A Feira”, “Minha Alma (A Paz que Eu Não Quero)” e covers explosivos como “Hey Joe”, a banda se instalou em uma garagem desativada para capturar a força que poucas bandas conseguem colocar sobre um palco.

“Rappa – Ao Vivo” traça um panorama da trajetória de sucesso da banda, que é resultado de timbres de Dub, Reggae, Rock, riffs intensos e efeitos que emolduram psicodelia dentro de contornos brasileiros modernos. O pacote sonoro embrulha sentimentos por dias melhores, que caminham sobre mensagens críticas que abordam a realidade brasileira com perspectiva própria. Ao mesmo tempo em que enxerga a vitória do dia a dia de um universo como a Rocinha, esse olhar importa o colorido que só a periferia consegue entregar.
E O Rappa sempre soube disso. Seus integrantes têm lutado contra a desigualdade social, atuando em diversas frentes, seja no financiamento de projetos que estimulem a inclusão de jovens colocados à margem da sociedade ou no recrutamento de atores de comunidades carentes para participar de seus clipes. E é com essa identidade que a banda cai na estrada. Mapeando seu alcance sobre o território nacional, as primeiras datas do grupo incluíram São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília. A estréia aconteceu no Rio de Janeiro, em show realizado no dia 21 de outubro de 2011 na Marina da Glória.
A banda já contabiliza passagens pelo Lollapalooza Brasil, quando foi headliner nacional e tocou no mesmo palco que o Foo Fighters, pela edição de Chicago do Lollapalooza, onde a banda foi escalada para tocar no mesmo palco do Black Sabbath, e pelo Fillmore Miami Beach at the Jackie Gleason Theater, um belo teatro que recebeu shows de Guns n’ Roses, Ziggy Marley, entre outros.
Essas apresentações são baseadas no conteúdo do “Rappa – Ao Vivo”, mas servirão de laboratório para um próximo disco, com previsão de lançamento para 2013. Entre as apresentações, a banda reserva a agenda para novas experimentações em estúdio, reestabelecendo o processo criativo que culminou com alguns dos grandes marcos da música brasileira.
Este também é um novo momento da relação entre fã e banda. O Rappa estabelece novos canais oficiais com seus fãs com a maciça utilização de ferramentais digitais, em especial uma melhor presença em redes sociais. Essa postura também será vista no novo site da banda, que passa ser uma plataforma de conteúdo exclusivo d’O Rappa, estreitando ainda mais o laço entre o grupo seu público.  O Rappa está de volta, e ainda mais perto de seus fãs. 

Bandas de Abertura:   

HOMEM DE  PEDRA surgiu em 1999 com a vontade de André Homem de Pedra em fazer um Reggae diferente, usando da mistura de influências musicais dos integrantes da banda. O primeiro ano foi em estúdio compondo. A estréia nos palcos foi em 2000 abrindo shows das bandas locais, tocando nas principais casas e eventos do DF. “Um dos shows inesquecíveis, que marcou nosso início, foi o de abertura de Jorge Benjor na Ermida Dom Bosco.” Recorda André. Com a gravação do 1º CD demonstrativo e do Vídeo Clip da música Moleque Doido do Cerrado, a Banda conquista a MTV com a veiculação do clipe. Em 2007, o projeto “Homem de Pedra Convida”, no Calaf, foi um sucesso e contou com a participação de nomes importantes da cena musical de Brasília gerando um novo projeto iniciado em abril de 2008, o “Movimento Musica e Amizade”. Em 2009 encerra o ano com chave de ouro abrindo o show da banda O Rappa pelo projeto Cultura nas Cidades. Em 2011 o Homem de Pedra inicia as gravações do CD Claridade que foi lançado no ano seguinte na festa Cerrado Virtual, para mais de 10 mil pessoas. Em 2012, o Homem de Pedra inicia a turnê de lançamento do CD com um super show na “Festa das Águas” pra 50 mil pessoas cantando as músicas do CD e dá início a gravação do vídeo clipe da música de trabalho intitulada Ditados Populares. 

SOM NATIVO Criada apenas como forma de diversão pelo seu vocalista Cleylton Alexandrino a “SOM NATIVO” é a nova cara no cenário Reggae de Fortaleza. Lançada pela Biruta em junho de 2012, a banda se aprofundou na ideologia Jamaicana em interpretações musicais, performances e na criação das próprias músicas, tomando como referencial canções das décadas de 70 e 80, extraídas a maioria de raros vinis. Apesar do pouco tempo de estrada a SOM NATIVO já participou de eventos com artistas conceituados como Ponto de Equilíbrio, Natiruts, Black Alien (Planet Hemp), disseminando sempre o estilo Original Roots que seus integrantes tanto amam e escolheram como trilha. Agora no show do Rappa, fará sua sétima apresentação e ampliará seu repertório autoral já que a plateia esta cantarolando e pedindo mais e mais suas composições.

Serviço:
Show O Rappa
Data: 18 de janeiro de 2013 – BARRACA BIRUTA
Apresentação: 22h
 
Ponto de Venda:


PINE APPLE: (R. Joaquim Siqueira, 70 – Aldeota) 3244.0339

CHILLI BEANS: Benfica 3223.0780 / Via Sul 3278.4158 / Iguatemi 3241.2211

FRIKOTES BIJOUX: North Shopping 3287.3599 / Iguatemi 3241.3764

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

EXTRA FAZ CONTAGEM REGRESSIVA PARA A BLACK FRIDAY COM OFERTAS ANTECIPADAS

FORTALEZA SEDIA PELA PRIMEIRA VEZ 11TH ABCI CONFERENCE

FUÁ DA SIL COMEMORA 2 ANOS